Agricultores da Borborema receberão 30 toneladas de sementes de batata agroecológica nesta terça (16)

Sementes de batatas – Foto: Ascom

Cerca de 200 famílias produtoras de batata inglesa agroecológica de nove municípios da região da Borborema, Agreste da Paraíba, receberão nesta terça-feira (16), 30 toneladas de batata semente para o início do plantio. O ato de entrega acontecerá a partir das 14h, na Unidade Frigorífica da cidade de Esperança, no Brejo.

Agricultores recebendo as sementes – Foto: Ascom

Além das agricultoras e agricultores beneficiados que estarão presentes, representantes do Polo da Borborema, articulação de sindicatos de trabalhadores rurais de 13 municípios da região, representantes de entidades como a Agricultura Familiar e Agroecologia (AS-PTA), Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (Empaer), Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e Banco do Nordeste do Brasil (BNB).

Todas estas instituições compõem a Comissão Territorial da Batata Agroecológica da Borborema, formada desde 2011, para promover debates e políticas públicas de revitalização da cultura da batata em bases agroecológicas na região. A batata já foi uma cultura de renda no passado, mas devido ao uso intensivo de agrotóxicos e adubos químicos, associado às políticas de crédito da época, culminou no enfraquecimento dos solos e trouxe prejuízos aos agricultores.

Para alcançar seus objetivos, a Comissão vem realizando visitas de campo, oficinas, intercâmbios, seminários e pesquisas participativas, além de estimular a comercialização em mercados institucionais com o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e nas feiras agroecológicas.

Electra – As 30 toneladas de batata-semente são da variedade Electra e estão armazenadas em quatro contêineres refrigerados desde outubro de 2018. As sementes foram adquiridas e os contêineres alugados com recursos do Governo do Estado por meio da Secretaria de Estado da Defesa Agropecuária e da Pesca (SEDAP). A conquista veio através da mobilização da Comissão Territorial da Batata Agroecológica. As sementes de batatinha beneficiarão agricultores que trabalham em bases agroecológicas dos municípios de Areial, Arara, Esperança, Massaranduba, Montadas, Lagoa Seca, Lagoa de Roça, Remígio e Puxinanã.

Nelson Anacleto, liderança do Polo da Borborema e do Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Lagoa Seca, explica que nos últimos anos, as secas sucessivas deterioraram os estoques de batata semente dos agricultores. “Por isso vinhamos em um diálogo com o Governo do Estado buscando um apoio para a renovação dessas sementes”, falou.

Benélio Francisco de Araújo, Gerente Executivo de Abastecimento e Pesca da Sedap, explica que os recursos investidos na compra das 30 toneladas de batata semente vieram do Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza no Estado da Paraíba –Funcep/PB e que a ideia do Governo é, com base nessa articulação formada na Borborema, estimular a produção dessa e de outras culturas importantes para a agricultura familiar na região em outras partes do estado: “A ideia é a partir dessa experiência, criar um polo produtivo dessa cultura e de outras para irradiar para outras regiões”, disse.

Serviço:

Data: Terça-feira (16)

Hora: 14h

Local: Unidade Frigorífica de Esperança, BR-121 “BR da Batata”, saída para Areial-PB.

Redação PB Debate com Ascom AS-PTA

LEIA TAMBÉM:

OPORTUNIDADE DE EMPREGO: UEPB inscreve para seleção de emprego

Compartilhar