ALERTA: Picadas de escorpião geram mais de 1 mil atendimentos em hospital de Campina em 7 meses

Trauma de Campina Grande (Foto: Ascom)

Mais de mil pessoas picadas por escorpião foram atendidas no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, de janeiro a julho de 2019. De acordo com a assessoria de imprensa da unidade de saúde, o hospital atendeu 1.216 casos nos primeiros sete meses deste ano.

Conforme a unidade hospitalar, somente nos primeiros 11 dias de agosto deste ano já foram atendidas cerca de 66 pessoas picadas por escorpião.

Em comparação aos sete primeiros meses de 2018, este ano o hospital atendeu 101 casos a mais do que no ano passado, quando o hospital registrou 1.115 atendimentos a pessoas picadas por escorpião.

Mais de 6 mil casos de acidentes de trânsito

De janeiro a julho de 2019, o Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande atendeu 59.868 pessoas. Dessas, 6.195 atendimentos foram a vítimas de acidentes no trânsito, sendo 5.276 pessoas atendidas por acidentes de motocicleta e 919 por acidentes de carro.

De acordo com relatório da unidade de saúde, entre janeiro e julho deste ano também foram registrados 246 atendimentos a pessoas vítimas de arma branca. Já em relação aos atendimentos a vítimas de arma de fogo, o hospital registrou 178 casos.

Ainda de janeiro a julho de 2019, o hospital registrou também 715 casos de pessoas atendidas por agressão física e 526 casos de pessoas vítimas de queimaduras. Outros 12.545 atendimentos na unidade foram a vítimas de cortes e outros acidentes.

Redação Paraíba Debate com Ascom e G1 Paraíba

VEJA TAMBÉM:

TRAGÉDIA: Paraibano morre em prova de motovelocidade

Compartilhar