Após 24 horas do sepultamento do genro, sogra morre devido a problemas de saúde

Imagem: Reprodução

A professora Maria de Fátima, funcionária da Prefeitura de Patos, perdeu o marido na tarde do domingo, 28, e na terça, 30, perde a mãe. Seu marido, o conhecido empresário Felizardo Félix Neto, de 53 anos, morreu ao cair do cavalo e o animal cair sobre ele numa vaquejada em Catingueira, região de Patos. Ele foi levado em estado grave para o hospital de Patos, mas não resistiu e morreu quando no caminho. Era proprietário da empresa Catingueira Veículos, em Patos. Deixou três filhos: Felipe, Fernando e Fernanda.

Sua mãe, a comerciante aposentada Maria Odete Medeiros Diniz, conhecida como Tatá, de 70 anos, residente no bairro Santo Antônio, estava internada no Hospital São Francisco há 60 dias e morreu de parada cardiorrespiratória por volta das 14h30min. Tatá já vinha enfrentando problemas de saúde há muito tempo, tinha de Mal de Parkinson e havia sido internada com problemas pulmonares.

Além de Maria de Fátima, Tatá deixou mais três filhos: José Flaubert (Betinho), Magna Lúcia (Lucinha) e José Francimar (Bibi).

Felizardo Félix foi sepultado na tarde da segunda, 29, no Memorial Jardim da Paz Cemitério Parque, em Patos; e Maria Odete Medeiros Diniz (Tatá) foi sepultada às 16h30min da quarta-feira, 31, no Cemitério Santo Antônio, no Monte Castelo, em Patos.

A professora Maria de Fátima vem recebendo à solidariedade dos amigos pelo falecimento de duas pessoas tão queridas.

Redação Paraíba Debate com informações do Catingueira Online

VEJA TAMBÉM:

Estudante vai para UTI após ingerir bebida alcoólica em escola pública de Campina Grandee

Compartilhar