Após adiamentos e protestos, Aluízio Campos será entregue com a presença de Bolsonaro

5
Foto: Reprodução/Internet

Após confirmar, mais uma vez, a vinda do presidente Jair Bolsonaro (PSL) a Campina Grande para participar da inauguração do Conjunto Habitacional Aluízio Campos, na próxima segunda-feira (11) , o prefeito Romero Rodrigues (PSD), se reuniu com o comando local do Exército para tratar da segurança do evento, que contará com o apoio do Governo Federal por se tratar de uma agenda oficial.

A entrega das casas foi adiada duas vezes: 11 e 25 de outubro. A Prefeitura afirmou que impasses burocráticos com a Caixa dificultaram os trabalhos. A agenda do presidente também foi levada em consideração.

Em meio à espera, campinenses que foram contemplados com residências chegaram a realizar protestos ameaçando invadir o Conjunto, que possui mais de 4 mil casas e que começou a ser construído no Governo Dilma Rousseff (PT), passando por Temer (MDB).

Redação Paraíba Debate

VEJA TAMBÉM:

Ossada humana é encontrada em sítio no Distrito de Galante, em Campina Grande

Compartilhar

Enquete

Você é CONTRA ou A FAVOR de encerrar a quarentena do COVID-19?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp