Após seis anos, Prefeitura de Campina convoca 0,38% dos inscritos para o conjunto Aluízio Campos

Conjunto Aluízio Campos (Foto: Codecom)

Complexo Habitacional Aluízio Campos, em Campina Grande, teve divulgada uma lista de pessoas convocadas para apresentar documentos para seus apartamentos. Não para os 26 mil inscritos, mas para apenas 0,38% desse total, ou seja, cerca de 100 pessoas. O Complexo teve obras iniciadas em 2013, na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), e detém de 93% de recursos federais.

Passados seis anos da gestão do prefeito Romero Rodrigues (PSD), a promessa de entregar as 4.100 unidades habitacionais do conjunto ainda não se concretizou. Durante esse período, foram feitos eventos de cadastramento em 2016, que reuniram milhares pessoas com a promessa da entrega de casas, sorteios, listas de entregas, e até com denúncias de irregularidades no cadastramento.

Os convocados devem comparecer à Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) até a próxima sexta-feira, dia 17 de maio, no turno da manhã (8h às 12h), para entregar as cópias legíveis dos documentos pessoais.

Redação Paraíba Debate com informações do Paraíba Agora

VEJA TAMBÉM:

Prefeitura paraibana deixa de repassar quase R$ 1 mi à Previdência

Operação prende onze pessoas por furto de energia no Sertão paraibano

Compartilhar

Enquete

Cotações

  • Dólar TurismoR$ 4,3500
  • LibraR$ 5,3658
  • Peso Arg.R$ 0,0701
  • BitcoinUS$ 8.742,0000

Denuncie pelo WahtsApp