BNB admite “reestruturação do modelo” dos Centros Culturais; Estela Bezerra cobra explicações à Superintendência

19
Fachada CCBNB Sousa – Foto: divulgação

O Banco do Nordeste respondeu ao portal Paraíba Debate sobre o fechamento dos três Centros Culturais do banco, dois no Ceará e um na Paraíba. O Banco admitiu uma reestruturação do modelo de atuação das unidades, mas sem demissões dos funcionários. Nesta sexta-feira (28), a deputada estadual Estela Bezerra (PSB), presidente da Comissão de Educação, Cultura e Desporto da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), repudiou fechamento do CCBNB de Sousa, no Sertão.

Para Estela, o CCBNB é um equipamento não só de cultura, mas de responsabilidade social. “O Centro Cultural de Sousa é um dos maiores equipamentos fomentadores da cultura do Sertão paraibano alimentando toda uma cadeia criativa e econômica. Essa ‘reestruturação’ é mais um capítulo triste do retrocesso que o governo Bolsonaro tem proporcionado ao país”, lamentou Estela.

Numa nota que está sendo distribuída para a imprensa, o BNB não admite nem descarta o fechamento dos Centros. “O Centro Cultural Banco do Nordeste (unidades de Fortaleza, Juazeiro do Norte e Sousa – PB) informa que, no momento, está reestruturando seu modelo de atuação, no intuito de modernizar a estratégia de funcionamento e ampliar parcerias com outras instituições. O reposicionamento de atuação não implica desligamento de funcionários”, diz a nota.

De acordo com Estela, o fechamento dos Centros na Paraíba e Ceará representa mais um duro golpe do Governo Bolsonaro com a cultura do país. “O Centro Cultural é um polo de democratização do acesso ao bem cultural produzido na região e, ao mesmo tempo, fomenta a economia criativa desses dois Estados”, ressaltou a parlamentar.

O Portal Paraíba Debate publicou matéria esta semana com reclamações dos artistas e produtores culturais que estão se sentindo atingidos por medida drástica do BNB. Pelas redes sociais, o assunto do fechamento do CCBNB em Sousa gerou muitas reclamações.

Explicações – Estela enviará uma comunicação para a superintendência do BNB cobrando explicações sobre o fechamento do equipamento cultural de Sousa. “Vamos, em nome da Comissão de Educação, Cultura e Desporto da ALPB, criar um documento cobrando explicações sobre as demissões e sobre o fechamento da unidade cultural da Paraíba”, finalizou.

Valdívia Costa/ PB Debate

LEIA TAMBÉM:

Desenhista faz quadrinhos em homenagem a Jackson do Pandeiro e planeja exposições em Patos

Compartilhar

Enquete

Você é CONTRA ou A FAVOR de encerrar a quarentena do COVID-19?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp