Clínicas são notificadas por alta abusiva em preços da vacina contra H1N1

Quatro clínicas de saúde da rede privada foram notificadas pelo Procon de João Pessoa, nesta terça-feira (12), por adotarem preços abusivos na aplicação das vacinas trivalente e tetravalente contra o vírus H1N1. O órgão recebeu denúncias de que os preços do produto subiram mais de 50% após a divulgação de um possível surto da Gripe A no Estado. Os nomes das clínicas não foram divulgados pelo Procon da Capital.

“Antes dessa maior divulgação dos riscos da H1N1 para a população, o consumidor poderia se vacinar por R$ 70 R$ 80. De um dia pro outro, se verificou um aumento absurdo, com a vacina passando a custar entre R$ 100 e R$ 150”, informou Marcos Santos, titular do Procon-JP.

As clínicas têm 10 dias para apresentarem as três últimas notas fiscais do produto para justificarem o súbito aumento. Segundo o Procon municipal, João Pessoa dispõe de seis clínicas particulares que realizam o procedimento da vacinação, mas apenas quatro estavam disponibilizando esse recurso preventivo.

Em Campina Grande, duas clínicas de vacinação estão fazendo listas para filas de espera. O valor cobrado pela vacina é de R$ 130,00.

Com Portal Correio

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enquete

Cotações

  • Dólar TurismoR$ 4,1600
  • LibraR$ 4,8645
  • Peso Arg.R$ 0,0730
  • BitcoinUS$ 10.388,5000

Denuncie pelo WahtsApp