Em protesto, estudantes e professores realizam ‘funeral’ do Future-se e da reforma da Previdência

Foto: Reprodução

Estudantes, sindicato e a Associação de Docentes da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) realizaram terça-feira (06) um funeral cuja proposta era “enterrar os cortes na educação”. O ato simbólico contou com a representação de caixões com a foto do ministro da Educação, Abraham Weintraub e do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

A manifestação aconteceu pela manhã, no Centro de Vivências, e à tarde, no Centro de Ciências Humanas Letras e Artes (CCHLA) no Campus I, em João Pessoa.

O protesto foi convocado pelas redes sociais e contou com “cortejo fúnebre” pelo campus. Em tom de ironia, a convocação chamava os participantes para um “ato de solidariedade acadêmica”.

Na próxima terça-feira (13) atos convocados pela União Nacional dos Estudantes (UNE) prometem parar o Brasil contra as reformas do Governo. A “Tsuname da Educação” acontece em várias capitais e cidades. Em Campina Grande, o ato acontece no Campus I da Universidade Federal de Campina Grande.

VEJA TAMBÉM:

UFCG prorroga auxílio para alimentação de estudantes

Compartilhar