Galdino confirma reunião na segunda (27) com bancada Federal para tratar cortes no MEC

Adriano – Foto: PB Já

A bancada Federal da Paraíba estará reunida na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) na segunda-feira (27) para debater os cortes orçamentários no Ministério da Educação (MEC). Com a medida do MEC serão retirados R$ 100 milhões dos institutos federais de educação superior na Paraíba.

A informação foi confirmada pelo presidente da ALPB, Adriano Galdino (PSB). Ele confirmou ainda que, após o encontro, será elaborado um documento que será entregue aos deputados federais e senadores. Os parlamentares levarão o documento com as pontuações dos paraibanos para Brasília (DF).

“A professora Margareth, reitora da UFPB, agendou [o encontro] para a próxima segunda junto com o líder do governo, Ricardo Barbosa. Então, na próxima segunda, estaremos recebendo a bancada federal pela manhã e firmaremos um documento para que eles possam levar nosso grito lá para o parlamento geral”, garantiu.

Com o contingenciamento anunciado pelo governo Bolsonaro, UFPB, UFCG e IFPB perderão 30% do orçamento previsto na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LOA) para verbas discricionárias. O Estado foi um dos que mais mobilizou professores, funcionários e alunos contra a medida. A maioria que faz parte das instituições afetadas é contra a medida.

Redação PB Debate com PB Já

LEIA TAMBÉM:

Congresso tira Coaf de Moro; cinco paraibanos votaram pela volta do conselho à pasta da Economia

Compartilhar