Homens são presos em Guarabira e CG com dezenas de celulares e assessórios para jogar dentro dos presídios

Objetos apreendidos em Guarabira – Foto: PM

Três homens foram presos nesta terça (11) e quarta-feira (12) no entorno dos presídios de Campina Grande, no Agreste, e Guarabira, no Brejo da Paraíba. Eles estavam com diversos celulares e assessórios para serem jogados dentro das unidades de prisão. Gemerson Damião Silva Gomes, 23 anos, e Ewerton dos Santos de Oliveira Alves, 19 anos, foram presos no entorno do Presídio do Serrotão, em Campina Grande. O homem preso em Guarabira não foi identificado pela Polícia Militar, mas ele estava nas proximidades do Presídio João Bosco Carneiro, às margens da PB-057.

O material apreendido em Campina foram seis celulares, 11 carregadores de celular, nove fones de ouvido, duas baterias de celular, sete embrulhos com substância análoga a maconha, seis embrulhos com substância análoga a cocaína e cinco embrulhos com levedura de cerveja para fabricação de bebida alcoólica artesanal.

Já os objetos apreendidos em Guarabira foram 27 celulares, 22 carregadores de celular, 15 baterias de celular, dois fones de ouvido, um chip, uma quantia de substâncias semelhantes à maconha e cocaína, 20 cartelas de comprimidos Artane e dois rolos de corda de náilon, que seria utilizada pára arremessar os objetos para dentro do presídio.

Conforme a PM de Campina, Gemerson morava na Rua Sebastião Pereira Dantas Bezerra, no bairro Grande Campina. Já Ewerton era morador da Rua Silva Jardim, 154, no bairro José Pinheiro. Eles foram presos por volta das 2h30 desta quarta (12) nas rondas no entorno do Serrotão. Os policiais perceberam uma movimentação no matagal e investigaram, achando um deles, depois o outro. A dupla ainda tentou fugir, mas foi presa em flagrante delito e encaminhados até uma delegacia.

Guarabira – Em Guarabira, o Copom recebeu a informação dos policiais que estavam de sentinela no presídio. Um homem portando uma bolsa estava em atitude suspeita nas proximidades da unidade prisional. De imediato, a guarnição foi deslocada e quando chegou ao local, o suspeito já havia sido capturado pelos policiais militares da guarda, que o imobilizaram, impedindo que ele arremessasse o material ilícito para o interior do presídio. O suspeito e o material apreendido foram conduzidos à Delegacia.

Redação PB Debate com Ascom PM

LEIA TAMBÉM:

PIAUÍ: Irmão de Whindersson Nunes é esfaqueado em assalto

Compartilhar