Julian Lemos avalia como desnecessária convocação do ministro da Educação para esclarecimentos

Bolsonaro e Julian (Foto: Reprodução)

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi convocado pelos deputados federais para debater a repeito dos cortes no orçamento das Universidades Públicas e Institutos Federais. O Requerimento foi aprovado com 307 votos a favor e 82 contra.

O deputado paraibano Julian Lemos (PSL), que é um dos maiores nomes do partido no Estado, votou contra a convocação da reunião. Em entrevista, ele afirmou que tal convocação é desnecessária.

Segundo Julian, essa divergência por parte dos parlamentares e governo federal atrapalha o andamento da gestão do presidente Jair Messias Bolsonaro (PSL).

“Não há necessidade dessa convocação. O governo tem errado nessa relação com os parlamentares e o resultado está aí”, afirmou.

Lemos reafirmou ser aliado do governo, apesar de por vezes não concordar com atitudes tomadas pela gestão. “Eu sou aliado ao governo Bolsonaro, mas não sou alienado”, disse.

VEJA TAMBÉM:

Deputado paraibano vota contra convocação de ministro da Educação para explicações na Câmara

ASSISTA: Deputados pedem demissão do ministro da Educação, Weintraub

Compartilhar