Matança de cães volta a acontecer no Vale do Piancó e revolta população

Cães mortos – Foto: Patos Online

A população da cidade de Santana de Mangueira, localizada na região do Vale do Piancó, no Sertão da Paraíba, está estarrecida com a matança de cachorros, que vem ocorrendo no município. Mais de 30 animais teriam sido mortos nos últimos dias, todos por envenenamento. Moradores da cidade estão revoltados e pedindo providências às autoridades.

De acordo com moradores, os corpos dos animais são espalhados pela cidade, todos mortos por envenenamento. Não há suspeitos de quem seriam os autores, o que teria motivado os envenenamentos e não se sabe se os fatos têm ligação.

Segundo informações de uma fonte que não quis ter sua identidade revelada, o município não possui um departamento com veterinário de prontidão para recolher os animais e os submeter a exames, capazes de detectarem possíveis doenças, como Leishmaniose visceral. Essa doença também é conhecida por seu nome indiano calazar, uma doença não contagiosa causada, entre outros, por três espécies de protozoários pertencentes ao gênero Leishmania, clínica e biologicamente distintas e com diferentes distribuições geográficas.

A orientação da polícia é que os donos de animais registrem boletim de ocorrência. Envenenar animais é crime, com pena prevista em lei. Até o fechamento desta matérias, ainda não havia sido feito nenhum BO.

Redação PB Debate com Patos Online

LEIA TAMBÉM:

Mulher sofre oito facadas de padrasto de seu marido na Paraíba

Compartilhar