Obra da adutora que levará água a Puxinanã está em ritmo acelerado

O gerente regional da Cagepa Borborema, Lucílio José dos Santos Vieira, visitou o andamento da obra da adutora emergencial, que vai levar água um dia por semana às torneiras das residências puxinanaenses e ficou bastante animado com o bom andamento dos trabalhos.

Lucílio disse que algumas etapas da obra já foram superadas e que o cronograma está bastante avançado. “Etapas que eram para ser vencida mais adiante, já foram vencidas. Então, a perspectiva é boa e a população de Puxinanã pode nutrir essa expectativa de ter a água nas torneiras, porque estamos caminhando bem”, disse o gerente.

Ele também determinou que fosse feita a recuperação dos dois reservatórios, o apoiado e o elevado, como também toda a parte elétrica.“Saio satisfeito com o que vi, sabendo que a população de Puxinanã, muito em breve, vai receber esse líquido tão precioso para a vida, que é a água”, garante.

Faz mais ou menos cinco anos que Puxinanã está sem o abastecimento regular.

Por isso, a Cagepa vai liberar água em alguns pontos da cidade para limpar a tubulação e liberar uma água própria para o consumo humano. “Vai ser necessário enchermos o reservatório, dar uma pressão na rede e fazer essa descarga. É importante que a população, ao observar essa trabalho feito pela Cagepa, saiba que não é desperdício, mas sim algo preventivo para que possamos dotar a cidade de uma água realmente potável”, explica.

A previsão para a chegada da água as torneiras, é o mês de abril, segundo informa a Cagepa.

Lucílio pontua que não gosta de antecipar a data, pois a obra pode apresentar algumas interrupções não previstas e que podem atrasar o cronograma.

“Eu saio daqui satisfeito, sabendo que o cronograma previsto para abril, está bem mais avançado. Mas eu quero manter o mesmo cronograma para evitar uma expectativa maior na população. Porem os puxinanaenses podem ter certeza que até abril vão ter água nas suas torneiras”, afirma.

O gerente regional da Cagepa Borborema, faz questão de enaltecer o empenho da Prefeitura Municipal, na pessoa do prefeito, Felipe Coutinho (Republicanos), que tem sido parceira na execução da obra e, desta forma, tornar realidade para o povo esse sonho tão grande que é trazer água para as torneiras. “Conseguimos desde a audiência pública realizada na Câmara de Vereadores, o apoio da Prefeitura e estamos avançando juntos. Porque eu tenho a certeza que, embora seja apenas um dia por semana, vai suprir as necessidades da população de Puxinanã.

Atualmente o motivo da água só chegar a Puxinanã um dia por semana, deve-se ao fato da R14 não ter uma reservação maior.

Fonte: Heleno Lima

Compartilhar