Odon vai à OAB Nacional cobrar defesa de advogados da PB denunciados pelo MPF

O presidente da OAB-PB, Odon Bezerra, e o conselheiro federal Carlos Frederico estiveram nesta segunda-feira (3), em Brasília, reunidos com o presidente nacional da entidade, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, para tratar de violação de prerrogativas dos advogados do sertão.

Três advogados que estão atuando na defesa de envolvidos na Operação Andaime, na região do sertão, foram injustamente denunciados, segundo Odon e Carlos Frederico, pelo Ministério Público Federal (MPF) com a acusação de cometimento de fraude processual. O Conselho Federal da OAB, através da procuradoria de prerrogativas, vai ingressar urgentemente com habeas corpus junto ao tribunal regional federal da 5ª região.
“A nossa ação rápida demonstra que, sempre que tiver sido violada a prerrogativa dos advogados no seu exercício profissional, tomaremos todas as medidas necessárias para coibir essa ilegalidade”, comentou Carlos Frederico.

“Pedimos ao Conselho Federal para que tome providências enérgicas contra essa violação, entre elas o HC. E o presidente nacional, que nos recebeu hoje (segunda-feira) pela manhã, determinou que a procuradoria das prerrogativas entrasse em ação imediatamente”, conta o conselheiro.
WSCOM Online

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enquete

Cotações

  • Dólar TurismoR$ 4,3500
  • LibraR$ 5,3646
  • Peso Arg.R$ 0,0700
  • BitcoinUS$ 8.742,0000

Denuncie pelo WahtsApp