Presidente da Câmara de Puxinanã ignora a crise e aprova reajuste de cargo comissionado

Câmara de Puxinanã – Foto: divulgação

Em um ano difícil, em que o Brasil passa por uma crise de mudanças, o Governo Federal impondo uma reforma trabalhista e as instituições e gestões municipais reduzindo gastos, o presidente da Câmara de Vereadores da cidade de Puxinanã, no Agreste da Paraíba, Luís do Nascimento Alves, o “Didi”, autorizou o reajuste dos cargos comissionados.

Ele mesmo foi o autor da proposta, que foi aprovada pela maioria dos vereadores. Com base nos cinco cargos descritos na proposta, um deles está em evidência. Aroldo Dantas, advogado da Câmara, vai passar a receber R$ 2,7 mil. Veja o aumento dos outros:

O reajuste foi protocolado no dia 24 de abril deste ano e aprovado com urgência no dia 15 de maio. A matéria já foi sancionada e teve a iniciativa apresentada pelo presidente da Câmara. O aumento foi aprovado pela maioria dos vereadores, de oposição à gestão atual. A decisão beneficia quem tem um contrato com a Câmara, como o advogado Aroldo.

Veja as outras partes da aprovação do reajuste:

Redação PB Debate

LEIA TAMBÉM

EM BRASÍLIA: Prefeito de Juazeirinho consegue R$ 900 mil para a Saúde

Compartilhar