Presidentes do PSB, PT, PDT, PSOL e PCdoB se reúnem para fortalecer oposição a Bolsonaro

Foto: Roberto Stuckert Filho

O Fórum dos Partidos de Oposição (PSB, PT, PDT, PSOL e PCdoB) reuniu-se hoje, quarta (22), em Brasília e definiu uma agenda de contatos com movimentos sociais, centrais sindicais e entidades da sociedade civil contra as medidas do Governo Bolsonaro (PSL).

O Fórum, que se reúne periodicamente desde o ano passado, pretende desta forma ampliar a força da oposição e debater assuntos políticos, econômicos e sociais.

“Hoje foi a melhor e mais produtiva reunião do fórum dos partidos de oposição. PT, PSB, PSOL, PDT e PCdoB unidos na leitura do momento político e engajados para discutir saídas para crise brasileira”, afirmou a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, por meio de suas redes sociais.

Os presidentes dos cinco partidos decidiram também solicitar um encontro com os ministros do Supremo Tribunal Federal para debater a crise institucional por que passa o país e a defesa do estado democrático de direito.

A agenda de contatos definida inclui CNBB, OAB, ABI, Andifes, SBPC, Clube de Engenharia, MST, MTST, UNE e todas as centrais sindicais, entre outras entidades e organizações.

Participaram da reunião de hoje os presidentes do PSB, Carlos Siqueira, do PT, Gleisi Hoffmann, do PDT, Carlos Lupi, do PSOL, Juliano Medeiros, e o vice-presidente do PCdoB, Walter Sorrentino, além de líderes dos partidos na Câmara e Senado.

VEJA TAMBÉM:

Ato pró-Bolsonaro acontece domingo (26) em Campina Grande; mobilização será nacional

Compartilhar