Projeto cria programa permanente de esterelização de animais e mutirões

O vereador Murilo Galdino (PSB) protocolou projeto de lei na Câmara Municipal de Campina Grande, que estabelece a criação de um programa permanente de controle reprodutivo de animais. Atualmente, criadores de animais que não possuem recursos financeiros podem recorrer à esterilização de animais no Centro de Zoonoses, mas o acesso é limitado e a ação não se estende aos animais de rua.

Um dos itens do projeto trata da realização de mutirões de castração de cães e gatos em todos os bairros do município. A ação tem como objetivo reduzir o número de animais nas ruas, o abandono de filhotes nas vias públicas, além da prevenção e erradicação de doenças transmitidas pelos animais, evitando futuros gastos em controle de zoonoses.

O projeto também prevê a manutenção dos animais recolhidos para castração, no Centro de Zoonoses ate receberem alta do veterinário. Posteriormente, conforme lotação do abrigo, eles podem continuar no centro e ficarem disponíveis à adoção ou serem devolvidos aos locais de onde foram retirados.

Inicialmente, as castrações seriam feitas no Centro de Zoonoses, o que não descartaria o cadastramento de clínicas veterinárias para esta finalidade. “Acho importante destacar que o projeto dispõe sobre o assunto de forma prática, levando os serviços às moradores que muitas vezes sequer tem o dinheiro do ônibus para levarem os animais ao centro, sem falar nos moradores de rua que quase sempre tem um animal de estimação e dos cães e gatos que estão abandonados mesmo”, disse.

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *