Toca da Raposa: Muro do “Renatão” corre risco de desabamento

Foto: Reprodução/Internet

Muros externos do Estádio Renato Cunha Lima, conhecido como “O Renatão”, Centro de Treinamento do Campinense Clube no Bairro da Bela Vista, correm risco de desabamento. Barras de ferro foram colocadas há cerca de um mês com o intuito de evitar acidentes ou ganhar tempo para a realização de alguma intervenção.

O risco de desabamento é claro, deixando os moradores das proximidades em alerta, sobretudo no período chuvoso que Campina Grande, deixando o chão molhado. Veículos e até pedestres podem ser atingidos com a queda do muro. O Estádio foi inaugurado oficialmente em 2006 com capacidade para 3.00 pessoas, e desde então nunca passou por reforma, apenas algumas manutenções.

Recentemente assumiu o comando da gestão do Campinense, Paulo Gervany, que além das questões esportivas, financeiras e administrativas para resolver, terá o desafio de ‘sustentar’, literalmente, o time que se prepara para a temporada 2020 com a Copa do Brasil, Campeonato Paraibano e a Série D.

Redação Paraíba Debate

VEJA TAMBÉM:

“Arraiá Lula Livre”: Apoiadores do ex-presidente organizam festa junina em cidade paraibana

MPF abre inquérito contra UFCG para cobrança de taxa por diploma

Compartilhar

Enquete

Cotações

  • Dólar TurismoR$ 4,2700
  • LibraR$ 5,4043
  • Peso Arg.R$ 0,0687
  • BitcoinUS$ 7.145,5000

Denuncie pelo WahtsApp