TRF manda soltar vereador preso na Operação Famintos

Renan na tribuna da Câmara (Foto: Ascom)

Foi concedido o habeas corpus em favor do vereador de Campina Grande Renan Maracajá (PSDC), preso na segunda fase da Operação Famintos no último dia 22 de agosto.

A decisão foi tomada nesta quinta-feira, 19, pela terceira turma do Tribunal Regional Federal, em Recife.

O parlamentar é suspeito de estar envolvido em um esquema de fraudes em licitações da merenda escolar em Campina Grande.

Mais informações ao longo do dia.

*Com informações do jponline

Compartilhar