VEJA: Estrela do Flamengo, Gabigol ignora governador do Rio

Imagem: Reprodução

Após o placar de 2 a 1 contra o River Plate e vitória histórica do Flamengo na final da Copa Libertadores, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC), se ajoelhou diante do atacante Gabigol no gramado do Estádio Monumental de Lima, no Peru, em reverência. Mas o jogador não pareceu ligar para a atitude.

Um vídeo, que viralizou nas redes sociais, mostra o momento em que Witzel fica de joelhos no gramado. Gabigol até cumprimenta o governador – com um rápido aperto de mãos –, mas logo sai caminhando para o lado esquerdo.

Um pouco desconcertado, o político volta a ficar em pé. Na sequência, deixa o autor dos dois gols da vitória rubro-negra e vai até aos outros jogadores. As imagens renderam diversos comentários de internautas.

“Witzel passou vergonha ao se ajoelhar em frente ao Gabigol e ser esnobado? Sim ou claro?”, publicou um internauta. “Nada contra ou a favor do Witzel, mas, ele fez isso pra aparecer, e como qualquer político que quer usar o Flamengo pra se promover, achei bem feito o que o Gabigol fez”, escreveu outro.

Depois do jogo, Witzel postou um vídeo comemorando um dos gols. “Dia histórico! Ver meu time virar o jogo aos 40 do segundo tempo foi uma emoção sem igual. Parabéns, @Flamengo, pela segunda faixa de campeão da Copa Libertadores da América. Que venha o mundial!”, assinalou na legenda.

VEJA TAMBÉM:

Em referência ao calibre de revólver, novo partido de Bolsonaro terá o número 38 nas urnas

Compartilhar