Policia Federal faz buscas em fazenda e apartamentos de ex-senador paraibano

A Polícia Federal fez na manhã desta segunda-feira, buscas e apreensões de documentos e computadores, nos apartamentos do ex-senador e ministro do Tribunal de Contas da União (TCU), Vital do Rego Filho em Brasília e em Camboinha, em Cabedelo, além da fazenda Campo de Boi no distrito de Catolé de Boa Vista, em Campina Grande.

O mandado de busca e apreensão para coleta de provas foram autorizados pelo ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF). Ele é suspeito de ter cobrado propinas de fornecedores da Petrobras para blindar-se e impedir suas convocações na CPI mista do Congresso Nacional, que, em 2014, investigava as suspeitas de irregularidades na estatal do petróleo.

À época, Vital ainda ocupava uma cadeira no Senado e presidia, simultaneamente, duas CPIs criadas no Legislativo para investigar as denúncias contra a Petrobras.

Em setembro foi publicada matéria na mídia nacional na qual o ex-presidente da OAS José Aldemário Pinheiro, o Léo Pinheiro, revelou nesta terça-feira, 13, ao juiz federal Sérgio Moro a ‘metodologia’ usada em 2014 pelos então senadores Vital do Rêgo – hoje ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) – e Gim Argello (PTB-DF) para barrar as investigações da CPI da Petrobras.

Segundo o executivo, a dupla de senadores traçou um plano de trabalho que postergava propositadamente a investigação sobre corrupção na estatal petrolífera.

Com G1

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp