Veículos refrigerados e aeronaves transportarão vacinas contra a Covid-19 para os municípios paraibanos, diz secretário

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, detalhou como será o processo de recepção, logística e distribuição das vacinas contra a Covid-19 na Paraíba. De acordo com o secretário, além de veículos refrigerados, aviões também serão utilizados para transportar os imunizantes.

Geraldo mantém a expectativa, com base em informação divulgada pelo Ministério da Saúde, de que as vacinas chegarão à Paraíba no próximo dia 20, quarta-feira. Segundo ele, a distribuição aos municípios paraibanos será feita de forma imediata. “Nós teremos as vacinas provavelmente na quarta-feira, sendo enviadas para João Pessoa, especificamente, através de veículos, pois devem chegar no aeroporto do Recife e, imediatamente, nós enviaremos para os 223 municípios”, explicou.

O governador João Azevêdo (Cidadania) apresentou os veículos refrigerados adquiridos para realizar o transporte dos imunizantes. Aeronaves também serão utilizadas, garantiu Geraldo. “Às cidades mais longínquas serão transportadas através de aeronaves. Nós temos seis pistas de pouso disponíveis no Estado, então não haverá dificuldade no sentido da remoção aeroviária dessas vacinas”, declarou.

Além de garantir que o Estado possui o estoque necessário de seringas e agulhas para essa primeira fase, o secretário acrescentou que profissionais de Saúde e indígenas também receberão as doses do imunizantes nessa primeira fase. “Já existe toda uma logística montada de veículos e aeronaves e, de forma mais breve possível, os 223 municípios terão a vacina disponível para aquela população inicial, da Fase 1, que são idosos, acima de 75 anos, profissionais de saúde, aquelas pessoas acima de 60 anos que vivem em abrigos e asilos e os indígenas, que vivem em territórios indígenas”, concluiu Medeiros.

Veja também:

Compartilhar