Júnior Araújo acusa prefeito paraibano de desviar doses da CoronaVac para beneficiar ‘pessoas de casa’

Nesta quinta-feira (21), o deputado estadual Júnior Araújo (Avante) fez uma grave denúncia através das suas redes sociais contra o prefeito da cidade de São Francisco, Gerôncio Júnior (Podemos) com relação ao desvio de vacinas contra a Covid-19. De acordo com Araújo, ao menos três ampolas da CoronaVac foram destinadas a beneficiar pessoas da “casa do prefeito”.

“Em São Francisco a nova administração já deu o tom de como será os próximos 4 anos. Desviaram três ampolas da vacina do Covid-19. O mais grave! Foi para beneficiar pessoas da “casa do prefeito”. Furar a fila da vacina é um vício que merece todo o repúdio da sociedade”, escreveu o parlamentar.

A cidade de São Francisco recebeu apenas 25 doses da vacina, que deveriam ser aplicadas em grupos prioritários no município, a exemplo de profissionais de Saúde que atuam na linha de frente no à Covid-19 e idosos acima de 70 anos de idade.

A Prefeitura Municipal de São Francisco ainda não se pronunciou sobre o caso.

Veja também:

Compartilhar