Pai é acusado de abusar sexualmente da filha ao ir pagar pensão, em Campina Grande

Um homem está sendo acusado de abusar sexualmente da filha de 10 anos no bairro Ramadinha, em Campina Grande. De acordo com informações da Polícia Civil, o suspeito teria ido até a casa da ex-mulher pagar a pensão alimentícia. No momento, estava apenas a criança na residência. 

O genitor ofereceu, segundo a menina, R$ 20 para que ela não contasse a ninguém sobre o abuso. Ela conseguiu correr até a casa de parentes e informou o que tinha acontecido. De acordo com a Polícia Civil, um familiar da criança tentou agredir o homem para segurá-lo no local, mas ele fugiu.

A atual companheira do suspeito revelou que o homem tem um histórico de abusos contra as enteadas. Ainda segundo a mulher, o homem praticava gestos obscenos, além de tocar os corpos das meninas. 

A mulher informou que não denunciou o marido porque um pastor orientou que ela não contasse porque “acreditava que o homem iria mudar de comportamento”. A Polícia Civil segue a procura do acusado. 

Veja também:

Compartilhar