João Azevêdo nega ser ‘inacessível’ a Daniella Ribeiro e reafirma nome à reeleição em 2022

O governador João Azevêdo (Cidadania) rebateu nesta segunda-feira (8) declaração da senadora Daniella Ribeiro (Progressista), que apontou ter inacessibilidade ao líder do Executivo paraibano, que seria de ‘difícil trato’. Ele declarou que a posição da parlamentar se deve à recusa da suspensão do decreto estadual que limitou funcionamento de restaurantes no fim do ano passado.

“A senadora ligou para mim pedindo para ver a possibilidade de suspensão daquele decreto do Natal e Réveillon em que houve uma limitação de horário em restaurantes. Se não ter atendido isso, levou a ela a ter essa conclusão, não tenho essa preocupação”, declarou à 98 FM.

Azevêdo ainda comentou sobre a reeleição ao Governo do Estado em 2022. Ele reafirmou que será candidato. “Já disse que meu nome está posto e está colocado para a reeleição”, disse.

Veja também:

Compartilhar