Paraíba passa a contar com três senadores com base política em Campina Grande

Com a morte de José Maranhão (MDB), a Paraíba passa a contar com seus três senadores todos com base política em Campina Grande, pois além de Veneziano Vital do Rêgo (MDB) e Daniella Ribeiro (Progressistas), agora a suplente Nilda Gondim (MDB) assume a titularidade do mandato até o final de 2022 e também tem raízes na Rainha da Borborema. Ela é mãe de Veneziano.

Pelo Tocantins, o Senado tem Kátia Abreu (Progressistas) e Irajá Filho (PSD) atuando juntos desde 2019 também integram a segunda dupla de parentes no cargo. O regimento do Congresso não proíbe a indicação de parentes para a suplência e a existência de parentes como senadores simultaneamente e há iniciativas na para vedar essa prática.

Nilda Gondim assumiu o mandato de senadora interinamente em 12 de janeiro, quando Maranhão havia pedido licença por 120 dias para tratar às sequelas da Covid-19. Ele testou positivo para a doença no final de novembro.

Nascida em João Pessoa, Nilda é filha do ex-governador da Paraíba, Pedro Gondim. Casada com o também político Antônio Vital do Rêgo, que foi deputado federal. Com ele, teve três filhos: Rachel Gondim, que não atua politicamente; Veneziano Vital do Rêgo, atual senador e ex-prefeito de Campina Grande; e Vital do Rêgo Filho, ex-senador e atual ministro do Tribunal de Contas da União (TCU).

Veja também:

Compartilhar