PEC que vai liberar nova rodada do Auxílio Emergencial deve ser votada quinta-feira (25); veja possíveis valores

Durante esta semana, o Congresso deve colocar em votação a proposta que promove ajustes nas contas públicas. A iniciativa é parte do acordo para liberar uma nova rodada do auxílio emergencial em 2021, segundo divulgado pela Folha de S.Paulo.

A apresentação do relatório da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) do Pacto Federativo está prevista para esta segunda-feira (22). O texto tem itens que impulsionam os cortes de gastos públicos.

Ainda de acordo com a reportagem, líderes do Congresso afirmam que o auxílio não será diretamente condicionado a contrapartidas no orçamento, no entanto a equipe econômica quer compensar o custo da assistência a médio e longo prazos.

Membros do Ministério da Economia afirmam que não haveria problema em aumentar o custo do programa, desde que as medidas de compensação também fossem ampliadas.

A nova rodada do auxílio deverá contar com três ou quatro parcelas entre R$ 250 ou R$ 300.

Fonte: Istoé Dinheiro

Compartilhar