‘Autorizado’ pelo STF, Bolsonaro nomeia 3º colocado para Reitoria da UFCG

Semelhante ao que aconteceu na Universidade Federal da Paraíba, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nomeou, para o cargo de reitor da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), o professor Antônio Fernandes. Ele foi o terceiro colocado na eleição interna da instituição, ano passado, com apenas 19,47% dos votos. A nomeação foi publicada no Diário Oficial da União.

O 1º colocado na lista tríplice foi o professor Vicemário Simões, com 50,45% dos votos. Em segundo ficou o professor John Kennedy, com 30,07%, este segundo chegou a pedir para ser nomeada por sua identificação com as pautas do Governo Bolsonaro.

Semanas atrás o Supremo Tribunal Federal (STF) reconheceu que o presidente tem a prerrogativa de indicar qualquer um dos nomes da lista, sem seguir a ordem de votação.

Ao desconsiderar a ordem da lista, contudo, o presidente ignora a vontade expressa de estudantes, professores e servidores da universidade; e fragiliza a democracia interna das instituições.

Veja também:

Compartilhar