Julian Lemos revela temer por sua vida, ‘pois clã Bolsonaro é capaz de tudo’: “São violentos e covardes”

O deputado federal Julian Lemos (PSL), em entrevista ao programa 360 Graus desta segunda-feira (1°), revelou temer por sua vida após trocar novas farpas com também parlamentar Eduardo Bolsonaro (PSL), um dos filhos do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que o chamou de traidor. Em seu perfil no Twitter, Julian chegou a escrever: “Se algo me acontecer, já sabem”.

“Ele [Eduardo] deveria estar preocupado com o Brasil. Tudo que eles fazem é muito bem arquitetado. Sigo uma linha reta de independência e isso incomoda muito eles, principalmente Eduardo, que tem necessidade de julgar os outros. Ele quer que eu não me relega. E aí me deparo com Eduardo me chamando de traidor, e eu mostro que traidor nunca fui, pelo contrário, eles se juntaram com quem diziam que não se juntaria”, declarou.

Julian reforçou as críticas: “Eles sim são capazes de tudo, são violentos, têm pessoas que intimidam, têm um exército para descontruir as pessoas nas redes sociais e digo isso pois sei quem são. Sou paraibano e nordestino e não vou me submeter a isso, pode custar minha vida”, afirmou o parlamentar que ainda revelou que tem tomado de medidas de proteção.

Eleito em 2018 com quase 72 mil votos, Julian Lemos coordenou a campanha de Bolsonaro no Nordeste e fez parte da equipe de transição do Governo Federal, mas rompeu ligações com a família após desentendimentos com os filhos do presidente.

Veja também:

Compartilhar