Derrotados em João Pessoa, Nilvan Ferreira e Wallber Virgolino anunciam aliança para 2022 e falam em ‘nova oposição’ na Paraíba

Dois dos candidatos mais votados na disputa pela Prefeitura Municipal de João Pessoa em 2020, mas sem êxito no pleito, Nilvan Ferreira (MDB) e Wallber Virgolino (Patriotas) anunciaram nesta quinta-feira (25) uma aliança que pretende criar a nova oposição na Paraíba, inclusive, com a formação de chapa majoritária de olho no Palácio da Redenção, sede do Governo Estadual.

“Vamos formar uma via política alternativa pra discutir 2022 e oferecer uma alternativa forte e verdadeira ao povo paraibano”, disse declarou o atual apresentador do Correio Verdade, da TV Correio.

Na oportunidade do encontro, Virgolino, que também é presidente do Patriotas no Estado, ofereceu a Nilvan a presidência da sigla em João Pessoa.

“Estabelecemos uma aliança para 2022. Formar um grupo, unir alguns partidos”, disse Wallber. “Nesse sentido, convidei Nilvan Ferreira para comandar nosso partido na Capital e dialogar com as principais lideranças e partidos políticos, formando a nova oposição na Paraíba”, completou.

Apesar do convite, Nilvan não confirmou se deixará o MDB para integrar a legenda. “Fico honrado e pensarei verdadeiramente a respeito”, disse. “Mas o momento é de encarar a realidade de nosso Estado, sentir as necessidades da população e no ano de 2022 resgatar a dignidade de nosso povo”, concluiu.

No bloco de oposição ao governador e pré-candidato a reeleição, João Azevêdo (Cidadania), já despontam o nome do ex-prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD), os deputados federais Pedro Cunha Lima (PSDB) e Ruy Carneiro (PSDB), e a senadora Daniella Ribeiro (Progressistas).

Veja também:

Compartilhar