Inscrições para 150 vagas do IBGE na Paraíba serão encerradas hoje (26)

Terminam nesta sexta-feira (26) as inscrições para os cargos temporários de agente censitário municipal e agente censitário supervisor do Censo 2021, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Na Paraíba, são 150 vagas para os cargos.

Um dos editais conta com 139 oportunidades para Agente de Pesquisas e Mapeamento, enquanto o outro oferta 15 vagas para Supervisor de Coleta e Qualidade. As duas funções exigem o ensino médio completo.

No estado, as oportunidades estão distribuídas entre os municípios de João Pessoa, Campina Grande, Esperança, Guarabira, Itabaiana, Itaporanga, Patos, Pombal, Sousa e Sumé. Ao todo, estão sendo disponibilizados 6,5 mil postos de trabalho em diferentes regiões do país.

A função de Agente de Pesquisas e Mapeamento (APM) tem remuneração de R$ 1.387,50 e jornada de trabalho de 40 horas semanais, sendo oito horas diárias. Há 139 vagas no estado, distribuídas entre 10 municípios. A capital, João Pessoa, concentra a maior quantidade.

O candidato precisa ter ensino médio completo, mas nenhuma experiência profissional é exigida. Para esse cargo, a taxa de inscrição custa R$ 33,98. O interessado poderá optar pelo município em que deseja concorrer à vaga, bem como indicar aquele onde realizará a prova.

Entre as atribuições do APM estão a visitação a domicílios e estabelecimentos, em locais selecionados de acordo com o tema a ser pesquisado, para a coleta de dados visando à realização de pesquisas de natureza estatística. Ele irá agendar e realizar entrevistas presenciais ou por telefone, registrando os dados em questionários, além de dar suporte à atualização dos levantamentos geográficos que estruturam a execução das pesquisas, entre outras atividades.

A prova objetiva deve ser realizada no dia 2 de maio nos municípios em que há vagas, das 13h às 17h. As questões abordarão conteúdos de língua portuguesa, matemática e raciocínio lógico, ética no serviço público e geografia.

A função de Supervisor de Coleta e Qualidade tem remuneração de R$ 3.100 e jornada de trabalho de 40 horas semanais, sendo oito horas diárias. Estão sendo oferecidas 14 vagas, distribuídas também entre 10 municípios. O cargo requer o ensino médio completo.

As inscrições têm taxa no valor de R$ 30,27. Nesse caso, o candidato também poderá optar pelo município em que deseja concorrer à vaga, bem como indicar aquele onde realizará a prova, dentre as opções disponíveis.

Entre as atribuições desse supervisor estão a organização, o planejamento e execução de atividades previstas para as pesquisas e levantamentos, além do gerenciamento, acompanhamento e controle dos trabalhos desenvolvidos nas agências de coleta, bem como participar de treinamentos, e/ou ministrá-los, que tenham por objetivo a capacitação para o desenvolvimento das pesquisas estatísticas.

A prova objetiva deve ocorrer no dia 2 de maio, das 13h às 17h. Os conteúdos cobrados nas questões serão de: língua portuguesa; matemática e raciocínio lógico; ética no serviço público; noções de informática; noções de administração e situações gerenciais; e geografia.

Compartilhar