João Azevêdo pede ajuda da população para ‘frear’ Covid-19 e sobre antecipação de feriados, afirma: “Não são férias”

O governador João Azevêdo (Cidadania) voltou a falar sobre as medidas adotadas para a próxima semana com o objetivo de conter a disseminação do novo Coronavírus na Paraíba. Ele pede que a população respeito o decreto.

De acordo com a Medida Provisória (MP) 295 publicada na edição do Diário Oficial do Estado da última quinta-feira (25), os feriados de Tiradentes (21 de abril), Corpus Christi (3 de junho) e da fundação da Paraíba (5 de agosto) serão antecipados para a próxima semana nos dias 30 e 31 de março e 1º de abril, além de instituir, de forma excepcional, um novo feriado no dia 29 março.

“Nós precisamos entender que nós estamos numa guerra. Nós queremos que a população entenda que a suspensão das atividades na próxima semana não é um período de férias. Apesar do nome ser ‘feriado’, não é para gerar uma sensação de férias coletivas. Nós temos que fazer com que as pessoas evitem se deslocar e esse é o mesmo procedimento que fizemos ano passado e que surtiu efeitos importantes”, destacou Azevêdo.

Veja também:

Compartilhar