Geraldo Medeiros diz que interpretação de Bruno está equivocada ao reclamar do repasse de vacinas para Campina Grande

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, falou novamente sobre as recentes declarações do prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima (PSD), que alegou a falta do repasse de 4.709 doses da vacina contra a Covid-19 por parte do Governo do Estado. O médico afirma que o gestor interpretou equivocadamente as informações, pois houve duplicidade de uma guia de recebimento enviada ao município.

“O envio a menor de doses para Campina Grande é uma interpretação equivocada. Houve a duplicidade de uma guia de recebimento que foi enviada e, consequentemente, as doses foram em duplicidade o quantitativo para o Ministério da Saúde”, disse Geraldo.

Geraldo ainda informa que nas 41 cidades em que aconteceu o problema da duplicidade das guias de recebimento, inclusive Campina Grande, já retificaram os dados a mais e normalizaram o quantitativo de doses pelo Ministério da Saúde.

Saiba mais:

Compartilhar