Polícia Civil prende homem suspeito de matar motorista de alternativo em Campina

A Polícia Civil prendeu na tarde de ontem (14) um homem suspeito de ter assassinado o motorista de transporte alternativo Joseilton Quirino, conhecido por “Josa Paredão”. Na época a Polícia investigou a possibilidade do motorista ter sido morto por engano.

O crime ocorreu no dia 23 de junho de 2020, na rua Otacílio Nepomuceno, no bairro do Catolé, em Campina Grande. Joseilton foi assassinado a tiros no ponto de embarque de passageiros onde trabalhava, próximo ao terminal rodoviário do Catolé.

As investigações realizadas pela Delegacia de Homicídios coletaram indícios de que o crime pode ter sido cometido por um colega de trabalho da vítima. Ele recebeu voz de prisão no local do delito, onde também tem ponto-base de transporte de passageiros.

O suspeito está recolhido na Central de Polícia Civil, à disposição da justiça.

Leia mais: https://paraibadebate.com.br/motorista-e-assassinado-em-campina-e-crime-pode-ter-ocorrido-por-engano/

Compartilhar