Garoto filho de casal paraibano morre em SP e mãe é suspeita de agressão

A polícia investiga a morte de um menino de 3 anos, que morreu após sofrer uma parada cardiorrespiratória dentro de casa, no 10 andar de um prédio na alameda Joaquim Eugênio de Lima, no bairro dos Jardins, na zona oeste de São Paulo, por volta das 12h de ontem (10). O garoto era filho de um casal natural do município de Prata na Paraíba.

A suspeita é de que ele foi vítima de agressão e a mãe está sendo investigada.

A Polícia Militar foi acionada pela irmã da vítima, uma menina de 13 anos. O menino, Gael, foi encontrado com diversos hematomas pelo corpo e sem batimentos cardíacos.

Uma equipe do Samu tentou reanimar a criança, que foi levada ao pronto-socorro da Santa Casa, mas morreu antes mesmo de chegar ao local, conforme relato de um dos médicos ao Programa Cidade Alerta, da Record TV.

A mãe da criança foi encontrada em estado de choque no banheiro da residência. Há suspeita de que ela tenha sofrido um surto psicotico.

Após saber da morte do filho, ela foi levada ao hospital do Mandaqui, sob escolta policial, para passar por avaliação psicológica. O caso será investigado pela 1ª DDM (Delegacia da Mulher), no Cambuci, no centro da capital. A perícia no apartamento já foi realizada.

Fonte: Com R7

Compartilhar