Associação promove ação lúdica e educativa para crianças carentes de Campina Grande

A Associação Viva Brasil – Intercâmbio e Experiências Socioculturais realizou no último sábado (8), no bairro da Ramadinha, em Campina Grande, a primeira ação do projeto ‘Viva no Reino da Imaginação’ contemplando crianças carentes da localidade.

Sentados nos bancos de madeira, os pequenos balançavam os pés, que nem tocavam o chão, de forma inquieta esperando as atividades. Mesmo por baixo das máscaras de proteção, era visível a alegria no olhar da meninada que pôde se divertir ao som de músicas infantis tocadas pela bandinha musical improvisada composta pelos próprios voluntários do grupo, além de participarem de contação de histórias, receberem atividades e livros paradidáticos, caderno para pintura, lápis de cor e guloseimas para deixar o momento ainda mais especial.

A associação, paralelamente à realização do Dia da Solidariedade, conseguiu colocar em prática o sonho que estava adormecido, visto a urgência das entregas dos kits para as famílias.

O público escolhido foram os filhos desses beneficiários pela entrega mensal dos alimentos, e que estão ausentes das atividades escolares presenciais em virtude da pandemia. “É uma iniciativa de atividade com as crianças buscando democratizar o acesso aos livros e contribuir para a formação de sujeitos críticos e cidadãos mais participativos. O Viva tem um sonho de instalar na Ramadinha um ponto de cultura acreditando que o acesso à leitura possa traçar um caminho rico em possibilidades para essas crianças”, expressou Ana Paula Brito, membro da diretoria da associação.

As crianças e jovens em situação de vulnerabilidade apresentam grandes desigualdades em condições de acesso à educação de qualidade. Na presente situação pandêmica, aulas remotas não são realidade para esta parcela da população, o que reforça ainda mais o atraso e a evasão escolar.
Pensando nisso, o VIVA está empenhado em realizar ações interventivas por meio da doação de material escolar e livros, bem como atividades educativas e lúdicas – respeitando todas as medidas de segurança que o momento exige.

O Projeto conta com parcerias com a Fundação Vamos Schipluiden da Holanda e com voluntários especializados em educação.
“Foi um dia muito importante. Ver o brilho no olhar daquelas crianças, cantando e dançando as músicas conosco, não tem dinheiro no mundo que pague. A associação está levando alegria a quem mais precisa, principalmente em tempos tão difíceis”, disse Luilton Arruda, integrante do projeto.

A Associação Viva Brasil precisa de doações, e disponibiliza os seguintes dados bancários para quem puder e quiser contribuir: Banco 748 – Sicredi, Agência 2201, Conta corrente 54630-5. As transferências também podem ser feitas por meio da chave CNPJ/PIX 35712360000109. Mais informações no site vivabr.org.

Compartilhar