Diretores do Hospital de Trauma e de Clínicas de Campina Grande afirmam que jovens estão adoecendo de forma mais grave da Covid-19

Com os leitos para internação de pacientes com Covid-19 totalmente lotados, os diretores do Hospital de Clínicas e Hospital de Trauma de Campina Grande, Jhonny Bezerra e Sebastião Viana, alertaram, nesta segunda-feira (31) para o aumento de internação de jovens por causa da doença.

Para o diretor do Hospital de Clínicas, o momento é de muita preocupação. O hospital se encontra com todos os seus 110 leitos, sendo 60 enfermarias e 50 UTIs, lotados.

“Fica o alerta ao jovem que estão adoecendo de forma mais grave. Não abandonem as medidas sanitárias.  Evitem pegar a Covid-19 pois nada garante que não terá um agravamento e se o quadro se agravar nós não teremos como atender”, apelou Jhonny Bezerra.

Foto: Sebastião Viana/Reprodução

Da mesma forma, Sebastião Viana disse que paciente mais jovem estão ocupando os leitos do Hospital de Trauma. O hospital dispõe de 25 leitos para tratamento da doença, mas apenas uma de enfermaria estava disponível na tarde de hoje. Existem pacientes na fila de espera. “Percebemos que é um público jovens que estão trabalhando, que estão circulando, e temos esse excesso de ocupação e uma fila de pacientes que precisam ser regulados ainda”, destacou o diretor.

Veja também:

Compartilhar