Com avanço da vacinação, João Azevêdo espera não publicar novos decretos mais restritivos a partir de julho

Com o avanço da vacinação contra a Covid-19 na Paraíba, o governador João Azevêdo (Cidadania) espera não precisar editar mais decretos com medidas restritivas a partir de julho e com isso iniciar o processo de flexibilização de serviços e atividades. A declaração foi dada em entrevista à Rádio CBN nesta quarta-feira (2).

“A Paraíba já recebeu 1,6 milhão de doses da vacina. Temos uma previsão de receber mais 800 mil doses em junho. Isso daria 2,4 milhões que cobriria o grupo prioritário, podendo paralelamente vacinar a população de 18 a 59 anos. No próximo mês estaremos em outro patamar para vencer essa pandemia”, comentou.

Acesse: Geraldo Medeiros também prevê população paraibana vacinada contra Covid-19 até o início de outubro

Nesta quarta-feira foi publicado um novo decreto, válido até o próximo dia 18, com medidas mais restritivas para conter o agravamento da crise sanitária no Estado. Por outro lado, os municípios de Bayeux e Santa Rita já iniciaram a vacinação da população em geral sem comorbidades. A expectativa é de que esse público também comece a ser vacinado esta semana, em João Pessoa.

Veja também:

Compartilhar