João Azevêdo lança programa que disponibiliza notebooks para professores e chips com pacote de dados para alunos da rede estadual

O governador João Azevêdo (Cidadania) lançou, na noite de terça-feira (1º), o Programa Paulo Freire – Conectando Saberes, que prevê investimento de R$ 51,6 milhões a fim de estimular a inclusão digital dos educadores da rede estadual de ensino para melhorar a qualidade da educação básica. Os professores que estão na ativa – 17.209 estão aptos a participarem – receberão um abono de R$ 3 mil para aquisição de um computador portátil.

Azevêdo ainda anunciou a realização do “Progr{ame}-se: Programa Meninas na Ciência e Tecnologia”, que irá incentivar nas escolas a presença das meninas nas ciências, exatas, tecnologias e engenharias, a fim de fomentar projetos de pesquisa, tecnologia e inovação. Além disso, o Governo Estadual irá fornecer aos estudantes e professores da rede estadual de ensino uma franquia mensal de pacote de dados de, no mínimo 20GB, a ser realizado por meio de um SIM CARD 3G/4G, que permite a conexão por diferentes operadoras.

O lançamento dos programas ocorreu durante a abertura do “I Seminário Transformação Digital na Educação e na Ciência e Tecnologia: práticas inovadoras e criativas”, uma realização do Governo do Estado da Paraíba, por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, em parceria com o Sebrae Paraíba.

O governador destacou as exigências dos novos tempos vivenciados por todos e que novas visões de mundo precisam estar integradas ao ensino nas escolas públicas. “Esse é o nosso desafio na gestão pública, fazer com que a escola acompanhe o mesmo ritmo de inovação ao qual nossas crianças passaram a ter acesso nos últimos anos”. Ele lembrou que mais de 54 milhões de estudantes em todo o Brasil foram retirados das salas de aula, enquanto se buscavam soluções digitais que permitissem a continuidade do ensino.

Veja também:

Compartilhar