Policial civil morre após noite com 11 mulheres em motel

Um policial civil morreu, na manhã desta sexta-feira (2), dentro de um motel localizado na avenida Piraporinha, altura do número 22, no bairro do Planalto, em São Bernardo. A suspeita é que ele tenha sofrido um mal súbito. Segundo informações iniciais, o homem, de 50 anos, estava acompanhado de 11 mulheres no local, para comemorar o seu aniversário. 

Ainda de acordo com as informações, ele teria reservado quatro quartos no motel, todos interligados para a celebração.

Quatro das 11 mulheres perceberam que o rapaz estava frio e então, acionaram a gerência do local. Segundo informações do BO (Boletim de Ocorrência), com a chegada do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), o policial já estava morto e a equipe do serviço de atendimento encontrou uma cartela do remédio Tadalafila – fármaco da classe dos prescritos e usados na terapêutica da disfunção erétil – com ele.

A equipe ainda observou que a cartela estava faltando um comprimido, provavelmente, já ingerido pelo homem. 

O policial era investigador e trabalhava na Zona Sul de São Paulo. O caso foi registrado no 3° Distrito Policial da cidade como morte natural.

Fonte: Diário do Grande ABC

Compartilhar