Ana Cláudia pode ir para o MDB, após destituição da presidência de Galego do Leite Podemos da PB

Destituída do cargo de vice-presidente do Podemos na Paraíba sem prévio aviso, a secretária de Estado, Ana Cláudia, esposa do senador Veneziano, disse ter ficado surpresa com a decisão da direção nacional da sigla. O Podemos é presidido nacionalmente pela deputada federal Renata Abreu.

A secretária Ana Cláudia declarou em entrevista, nesta quinta-feira (15), que não foi informada a respeito das mudanças ocorridas no Partido e que ficou surpresa com as atitudes tomadas pela executiva nacional da legenda partido. “Foi uma surpresa não apenas para mim, que respondia como vice-presidente do partido, mas também para o nosso presidente, Galego do Leite. Até mesmo porque semana passada nós tivemos a oportunidade de receber aqui em João Pessoa a presidente nacional, deputada Renata Abreu”, revelou Ana Cláudia.

A secretária destacou ainda que durante reunião na Capital paraibana informou a presidente nacional da sigla a respeito das ações para o fortalecimento do Podemos e acrescentou que mantinha uma relação transparente com a deputada Renata Abreu. “Foi abordada pela deputada Renata quais eram as nossas pretensões futuras de forma muito clara e transparente como sempre foram as nossas relações. Foi uma surpresa para todos nós, ao ponto de nos depararmos com uma comissão que foi apresentada toda formada por homens, algo que no Podemos a participação feminina sempre foi uma prioridade”, afirmou.

Sobre a possibilidade de deixar a legenda após sua destituição do cargo de vice-presidente, Ana Cláudia disse que tem recebido propostas de outras legendas, mas sua decisão será ainda analisada. “Já tínhamos recebido convites de outras legendas e nos mantivemos no Podemos porque temos essa identificação ideológica, trabalhamos com o sentido de fortalecer o Podemos na Paraíba, mas agora veremos uma decisão que será pensada com mais tranquilidade”, ressaltou a secretária, que agora tem o caminho aberto para ingressar no MDB da Paraíba, que é presidido pelo seu esposo, o senador Veneziano Vital (MDB).

No estado, o Podemos era presidido por Galego do Leite, ex-vereador de Campina Grande e que também foi retirado da função. A presidência do diretório da sigla na Paraíba foi entregue ao advogado Júnior Pires, atual secretário executivo do Procon de João Pessoa. O deputado estadual Branco Mendes também passa a compor a direção do Podemos na Paraíba.

Após a repercussão da mudança no diretório estadual, Galego Souza, que até então era presidente da sigla, divulgou uma nota sobre o fato.

Fonte: PBAgora

Compartilhar