Walkyria Santos não conseguiu ir ao enterro do filho de 16 anos; “Está péssima”, diz noivo

O empresário e vereador do município de Campo Grande (RN) Vittor Melo, noivo da cantora Walkyria Santos, conversou com Quem na manhã desta quarta-feira (4) e contou que ela está completamente devastada com a morte do filho do meio Lucas, de 16 anos. O jovem, que foi encontrado mortou em casa, em Natal (RN), tirou a própria vida após receber comentários maldosos por um vídeo que publicou no TikTok. A artista ainda é mãe de Bruno, de 20 anos, e de Maria Flor, de 10. Segundo Vittor, Walkyria só conseguiu ir ao velório do menino, que aconteceu na noite desta terça-feira (3) no Centro de Velório São José, em Natal. “Ela não conseguiu ir ao enterro [cemitério Vila Flor, em Macaíba, Região Metropolitana de Natal, às 10 horas de quarta (4)]. Está péssima”, disse Vittor, acrescentando que os irmãos de Lucas estão “muito abatidos”.

Em conversa com Quem, também na manhã desta quarta-feira (4), Luiz Felippe Ramos, assessor de imprensa de Walkyria, confirmou que a artista está muito desolada. “Ela não teve forças para ir ao enterro. Os irmãos [Bruno, de 20 anos, e Maria Flor, de 10] ainda estão digerindo tudo o que está acontecendo”, contou ele, lembrando que Lucas foi alvo de inúmeros comentários homofóbicos por conta do vídeo publicado no TikTok. No vídeo em questão, o adolescente aparecia ao lado de um amigo e ambos simulavam que iriam se beijar, o que nem chegava a acontecer de fato. Com a repercussão negativa, o jovem gravou um novo vídeo na rede social pedindo desculpas. “Ele não resistiu ao psicólogo, sofreu ataques devido ao vídeo que postou no TikTok e foram muitos comentários dizendo que ele era gay, ‘bicha'”, explicou.

Luiz Felippe contou que Lucas chegou a mostrar o vídeo à mãe. “Ele perguntou se ela via algo de mais e ela disse que não. Depois, a tia dele, por ver a situação que ele estava, pediu que apagasse o vídeo, pois eram muitos comentários que o estavam deixando triste”, disse o assessor. “Acontece que tudo foi uma brincadeira. Ele tinha uma namorada, com um término recente. Porém os comentários mexeram com a cabeça dele”, lamentou. O assessor soube, mas ainda não conseguiu se aprofundar se procede ou não, que está sendo movimentado um projeto de lei Lucas Santos, contra esse tipo de crime na internet. “A Wal pretende usar a voz dela para conscientizar as pessoas, sim, em relação a esse cuidado que deve existir na internet sobre comentários ofensivos. Ela não quer deixar passar em branco”, acrescentou.

Em um vídeo publicado em seu Instagram, a artista explicou que o filho recebeu comentários maldosos por um vídeo que publicou no TikTok. “Hoje eu perdi meu filho, mas preciso deixar esse sinal de alerta aqui. Tenham cuidado com o que vocês falam, com o que vocês comentam. Vocês podem acabar com a vida de alguém. Hoje sou eu e a minha família que choram”, disse. “Eu te amo pra sempre meu filho Lucas Santos, eu te amo”, afirmou ela chorando.

 “Hoje, dia 3 de agosto de 2021, eu perdi meu filho, uma dor que só quem sente vai entender. E isso é sobre o último post que eu havia feito, os comentários. Ele postou um vídeo no TikTok, uma brincadeira de adolescente com os amigos, e achou que as pessoas fossem achar engraçado, mas não acharam, como sempre as pessoas destilando ódio na internet. Como sempre as pessoas deixando comentários maldosos. Meu filho acabou tirando a vida. Eu estou desolada, eu estou acabada, eu estou sem chão”, desabafou.

“Mas estou aqui como uma mãe pedindo para que vocês vigiem e fiquem alerta. Eu fiz o que pude. Ele já tinha mostrado sinais, eu já tinha levado a psicólogo, mas foi isso, foram só os comentários na internet, nesse TikTok nojento que fez (sic) que ele chegasse a esse ponto”, disse ela. “Eu estou desolada. Que Deus conforte o coração da minha família e que vocês vigiem que a internet está doente”, afirmou Valkyria, abraçando um casaco do filho.

Se você se sente extremamente sobrecarregado, ansioso, depressivo ou está pensando em se machucar, procure seu médico, psicólogo, amigo ou familiar e não esqueça do CVV – Centro de Valorização da Vida (ligue 188).

Entenda

A morte de Lucas foi confirmada em um comunicado publicado no Instagram. “Infelizmente hoje o mundo da Família Santos está cinza. Lucas, filho da Walkyria, já não se encontra entre nós. O coração da Walkyria e toda sua família está em pedaços. Essa é uma dor que nenhuma mãe quer passar. Neste momento, pedimos que respeitem o luto e que orem e mandem boas energias para Walkyria e toda sua família. Agradecemos a todos os fãs e amigos pelas mensagens positivas. O Senhor está perto dos que têm o coração quebrantado e salva os de espírito abatido. Salmos 34:18. Lucas agora está ao lado de Deus”, dizia a mensagem.

Com 1,4 milhões de seguidores no Instagram, Walkyria é ex-vocalista da banda Magníficos e um fenômeno do forró, que acumula mais de 54 milhões de visualizações em suas músicas no YouTube.

À Quem, o sócio e empresário da cantora, Alexandre César, contou que familiares encontraram Lucas já morto. “Ele foi encontrado sem vida no quarto dele na casa da Wal em Natal, no condomínio Green Club. Era de madrugada, quase de manhã. O Lucas não tinha nenhum problema de saúde, era um menino muito para frente, um cara muito focado, estudioso, gostava de fazer os passinhos dele. E Wal é como leoa com os meninos. Ela tem o Bruno, de 20 anos, que é cantor, e a Maria Flor, de 10”, afirmou.

O empresário disse que não foi a artista que encontrou o jovem sem vida. “Foi a tia dele, o pessoal que mora junto. A irmã e o cunhado da Wal moram com ela. A morte pegou todo mundo de surpresa. Quando eu ia para Natal, dormia no quarto com Lucas. Ele passava a noite jogando no computador. Era um menino que tinha muitos amigos. Wal está trancada no quarto, destroçada”, completou ele.

Fonte: Revista Quem

Compartilhar