Comerciante paraibano é assassinado após jovem apontá-lo à atirador

Um homem de 39 anos, Rafael Cirilo de Albuquerque, foi assassinado a tiros no fim da tarde desta segunda-feira dentro do quiosque de propriedade dele, a Cervejaria do Índio, na praia de Tambaú. O crime aconteceu por volta das 16 horas quando um casal chegou ao local. Uma moça apontou quem era Rafael e o homem que a acompanhava disparou contra ele cinco tiros.

Em seguida, o atirador, vestindo camisa e boné azuis, óculos e máscara pretos, entregou a arma à jovem e cada um seguiu seu caminho.

A moça foi detida pelos policiais da Companhia Especializada em Apoio ao Turista (Ceatur) e a arma do crime foi apreendida com ela em uma bolsa.

O major Bruno Rodrigues, comandante da Ceatur, disse que a jovem não informou a motivação do crime e nem a identidade do comparsa. Ela disse ser menor de idade, mas não apresentou nenhum documento. Tentando obter a identificação da moça, os policiais foram até a casa dela, mas encontraram o imóvelo fechado.

“Ela não informou mais detalhes sobre o crime. Pelas características, foi uma execução”, comentou o Major Bruno.

A Delegacia de Homicídios vai apurar o caso e já recebeu imagens de câmeras de segurança da área que vão ajudar na identificação do assassino.

Fonte: ParlamentoPB

Compartilhar