Paraíba poderá revacinar pessoas a partir de 70 anos com comorbidades

O secretário de Saúde da Paraíba, Geraldo Medeiros, confirmou nesta terça-feira (17) que estão sendo feitos estudos para testar a possibilidade de uma terceira dose da vacina contra a Covid-19 em idosos com mais de 70 anos que possuem comorbidades. A revacinação já ocorre com a vacina da gripe e com a da Covid-19 em outros países.

“… Naquelas pessoas que utilizaram principalmente a Coronavac acima de 70 anos porque é um grupo pequeno de 3.7 % das pessoas que têm evoluído para óbito mesmo vacinado, nessa população de idosos com fatores de comorbidade, foi o caso do ator Tarcísio Meira. É uma possibilidade ainda não definida e há uma grande possibilidade de que as pessoas que utilizaram a Coronavac e outras vacinas que haja uma revacinação, isso não significa que as vacinas não tem eficácia ou efetividade”, disse.

Medeiros revelou ainda a possibilidade de desabastecimento da vacina Astrazeneca, acarretando na necessidade de uso da vacina da Pfizer para segunda dose.

“É possível que em setembro haja esse desabastecimento da Astrazeneca e o Ministério da Saúde acena com essa possibilidade de utilizar a vacina da Pfizer e essa intercambialidade ela já está sendo executada na Ilha de Paquetá, no Rio de Janeiro, em estudo experimental”, declarou.

Fonte: Wscom

Compartilhar