Após denúncia, TCE suspende concurso da Prefeitura de Bayeux

O Tribunal de Contas do Estado da Paraíba (TCE PB) decidiu suspender cautelarmente (temporariamente) o concurso público da Prefeitura de Bayeux. A medida ocorre após denúncia de que o Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib) não se enquadra na fundamentação da contratação escolhida pelo processo administrativo da prefeitura.

Em nota divulgada neste domingo (29), o Idib argumenta que o autor da denúncia é diretamente ligado a outra banca organizadora de concursos. Para a instituição, a pessoa atuou “com indisfarçável interesse comercial”. O Idib vai recorrer da decisão do TCE-PB.

“O TCE tem caráter preventivo quando abre processe para apurar as acusações. O Idib entrará com recurso no Tribunal, encaminhando informações para o conselheiro do caso, apresentando, dentre outros documentos, atestados de capacidade técnica e contratações em formato idêntico. Todos passaram pelo crivo do parecer jurídico da Advocacia Geral da União (AGU), convalidando sua capacidade técnica, capacidade jurídica e inquestionável reputação com atestados elogiosos ao final de cada certame”, diz um trecho da nota.

Ainda conforme o texto, os gestores da banca estão confiantes de que provarão a lisura do processo e poderão dar continuidade ao certame.

O concurso da Prefeitura de Bayeux oferece 567 vagas de contratação imediata e 2.840 de cadastro de reserva, em 34 cargos. As oportunidades exigem formações acadêmicas de níveis fundamental, médio e superior.

Fonte: Portal Correio

Compartilhar