Ex-prefeito de Teixeira fica inelegível por 8 anos; Câmara manteve parecer do TCE reprovando contas de Nego de Guri

Em sessão extraordinária realizada hoje à noite, a Câmara de Vereadores de Teixeira, manteve decisão do Tribunal de Contas do Estado, que reprovou as contas do ex-prefeito Edmilson Alves dos Reis, o Nego de Guri (Republicanos) relativas ao exercício de 2014. A manutenção do parecer do TCE prevaleceu e com a chancela da casa legislativa, o ex-prefeito também ficou inelegível por 8 anos

Votaram à favor do parecer do Tribunal de Contas, o Presidente da Câmara Municipal, Vereador Galego de Lô, o vice presidente Carlos Augusto, a primeira Secretária Ivânia de Ariston, além dos vereadores Ederivaldo e Kátia de Messias.

Contrários ao parecer votaram os vereadores Galego Titico, Raimundo Costa, Madá da Saúde, João de Romualdo, Pedro Bento e Nildinho.

Confira o parecer do TCE

Compartilhar