Travesti suspeita de matar motorista de app que estava foragida é presa em Campina

A travesti identificada como “Jessy”, suspeita de assassinar o jovem motorista de transporte por aplicativo, Ewerton Albuquerque Medeiros Cruz, foi presa na tarde desta quarta-feira (5) no bairro da Ramadinha em Campina Grande. Ela confessou o crime, mas não admite ter tentado praticar o assalto e alega ter tido um conflito com a vitima.

O crime ocorreu no dia 31 de dezembro quando ela solicitou a corrida pelo aplicativo do bairro de Nova Brasília esfaqueou o motorista, após tentar assaltá-lo, conforme relato da própria vítima que ainda conseguiu ligar para casa e contar sobre o ocorrido.

Leia Mais

Compartilhar