Apoiadores de Bolsonaro querem coronel do Exército disputando Prefeitura de CG; candidatura pode ‘frustrar’ planos de três grupos políticos

311
Jair Bolsonaro e Márcio Saraiva em Campina Grande (Foto: Reprodução/Rede social)

Repercute em Campina Grande desde o último final de semana a informação de que apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) trabalham para lançar uma candidatura própria no pleito municipal deste ano. Trata-se do coronel reformado do Exército, Márcio Saraiva, que em 2018 disputou o cargo de deputado federal obtendo pouco mais de 3 mil votos, 1.911 apenas na cidade.

Os bolsonaristas eram filiados ao Partido Social Liberal (PSL), mas deixaram a legenda após o presidente sair do partido. Eles objetivam ingressar no novo partido Aliança pelo Brasil, que ainda está em formação. Para concorrer nas eleições deste ano o grupo buscou abrigo no Democratas, partido ao qual também está filiado Saraiva.

O presidente do partido em Campina Grande, Waldeny Santana, revelou que vai levar a proposta para a direção estadual composta pelo ex-senador Efraim Morais e o deputado federal Efraim Filho.

Tal articulação pode prejudicar três pré-candidaturas: a de Ana Cláudia Vital do Rêgo (Podemos) que conversa com Filipe Gaudêncio, também do Democratas, para ser seu vice; Bruno Cunha Lima (PSD), que possui a simpatia de lideranças ligadas a Bolsonaro na cidade, além de Artur Bolinha (PSL) que no final de 2019 migrou para o PSL ‘sonhando’ com o apoio do presidente da República.

ACESSE TAMBÉM:

Bolsonaro inaugura trecho da Transposição que beneficia a Paraíba; No Twitter, presidente erra sigla do Estado: PA

Compartilhar

Enquete

Você é CONTRA ou A FAVOR de encerrar a quarentena do COVID-19?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp