Caetano chama de “ingênuos” quem vai às ruas contra Lula

Ídolo brasileiro afirma que o assassinato da vereadora Marielle uniu pessoas da direita e da esquerda contra a violência Foto: Reinaldo Marques/TV Globo / Blog Sala de TV

Caetano Veloso é ansiosamente aguardado em Portugal. Ele fará uma apresentação na final do festival de música Eurovision, no próximo dia 12, ao lado do lisboeta Salvador Sobral, vencedor da edição do ano passado.

Em julho e agosto, o cantor brasileiro voltará ao País do fado para shows com os filhos Moreno, Zeca e Tom.

Incensado pelos portugueses, Caetano concedeu entrevista a João Almeida Moreira para o ‘Diário de Notícias’, de Lisboa.

Questionado se a música ainda é um instrumento político como nos tempos da Tropicália.

“Discussões políticas estão na moda no Brasil agora”, disse o ídolo baiano.

“Muitos artistas manifestam-se, inclusive com um grupo relevante de músicos populares à direita. A maioria ainda tende para a esquerda, mas os da direita têm sido mais vocais.”

Para o cantor, a ação política dos músicos brasileiros se concentra em manifestações na internet. “Quem sabe de repente algumas canções saem daí?”, comentou.

O ‘DN’ questionou se o assassinato da vereadora Marielle e a prisão do ex-presidente Lula significam “dias sombrios” para o Brasil.

“São dias bastante sombrios”, respondeu Caetano. “Mas a reação ao assassinato de Marielle mostra uma união da maioria da população brasileira. Muitos dos jovens ingênuos que saem às ruas contra Lula e o PT, revoltam-se contra o que aconteceu com Marielle. Em dois espetáculos recentes eu gritei ‘Lula livre’ e as plateias dividiram-se entre aplausos (imediatos) e vaias (retardadas, mas duradouras); quando eu disse ‘Marielle vive’ o longo aplauso foi unânime.”

Veja também: Chico Buarque e Caetano Veloso ajudarão João Gilberto

Da Redação Paraíba Debate com Jeff Benício/Blog Sala de TV

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp