Caminhoneiros continuam protestos na PB e em várias partes do país

Os manifestantes não ficaram satisfeitos com o pronunciamento do presidente Michel Temer e continuam paralisados até, ao menos, a próxima quarta-feira, quando voltam a se reunir com representantes do Governo Federal.

Por meio das redes sociais, os caminhoneiros mostraram insatisfação com a proposta. Em um perfil do Facebook, chamado de Planeta Caminhão, um dos representantes da categoria explica as medidas anunciadas pelo presidente e afirma que o protesto continua. “Já sabemos de antemão que não aceitaram a proposta de 46 centavos. Por isso, a manifestação continua até quarta-feira, quando os caminhoneiros vão se reunir novamente com o Governo Federal”, disse. Segundo ele, uma manifestação popular também está prevista.

O presidente Michel Temer (PMDB) anunciou, em pronunciamento na noite deste domingo, a redução de R$ 0,46 no preço de diesel.

Compartilhar

Enquete

Você concorda com a volta às aulas presenciais este ano?

Cotações

  • Dólar Turismo
  • Libra
  • Peso Arg.
  • Bitcoin

Denuncie pelo WhatsApp